O que é ansiedade?

 
Ansiedade é uma reação natural ao perigo percebido. Ansiedade é um "aviso", um alerta que nosso corpo emite, de que algo não está bem, que há algum perigo por perto.
Medo, preocupação, agonia, pavor, angústia, afobação: São muitos os nomes e formas de perceber o que na realidade é ansiedade. É um estado psicológico, onde prevalece o estado de incertezas, aflição, angústia caracterizando-se por insegurança ou sentimento de que não conseguirá atingir suas metas.
Ansiedade também tem um lado positivo, pois é a ansiedade que te capacita a lutar ou fugir. São as nossas reações básicas, instintivas. Ansiedade num nível adequado é bom. A ansiedade num nível adequado te motiva a fazer coisas boas  por você mesmo.
O problema é quando a ansiedade aparece na hora errada e na quantidade errada. Ansiedade demais paralisa. Os primeiros sinais de ansiedade você sente no seu corpo: o coração dispara, a mão treme, o suor corre pelo rosto e pelas mãos, dá dor de estômago, dá até diarreia. Tem gente que não consegue respirar direito. Tem gente que acha que vai desmaiar - a vista escurece.
O ansioso pensa muito rápido, mas perde qualidade em suas percepções e acaba julgando de forma errada as informações do ambiente. É por isso que a ansiedade é o “amiga” do medo, da preocupação e da previsão negativa.
 

Principais sintomas da ansiedade

  • Não conseguir viver sob pressão.
  • O coração dispara quando olha o relógio.
  • Comer exageradamente.
  • Tentar antecipar tudo.
  • Correr até mesmo quando não precisa.
  • Falar muito rápido e não perceber que os outros não acompanham o
    raciocínio.
  • Estar em sofrimento, o coração dispara, sua frio, sem falar na dor de
    barriga em horas impróprias.
 

Tratamento para ansiedade

Exercícios de relaxamento podem ajudar muito a pessoa ansiosa.
O tratamento psicoterapêutico pode ajudar a pessoa analisa seus pensamentos diante das situações que lhe causam ansiedade. Por exemplo, a pessoa que fica ansiosa adiante de uma entrevista, apesar de faltar dias. Não percebe exatamente que pensamentos a deixa ansiosa, mas pode começar a se conscientizar deles. Por exemplo: “o entrevistador vai perguntar algo que eu não sei responder”. O psicólogo poderá lhe ajudar a encontrar caminhos para novos pensamentos mais verdadeiros e menos ansiosos. Perceber o medo, a preocupação, o pânico, a apreensão pode ser um passo.  Você tem o direito de ter estes sentimentos, e também tem o direito de supera-los!
  • Instagram
  • Facebook Social Icon

Horário de funcionamento:

Segunda - Sexta              07:00 - 22:00
Sábado                              08:00 - 19:00
Domingo                          Fechado

 

Endereço:

Rua Senador Milton Campos, 126

Santo Amaro - zona sul de SP - São Paulo

 

Contato: 3477-3375   -   98193-8024 (WhatsApp)